• Marcio Oliveira - Vinoticias

CROZES HERMITAGE ALAIN GRILLOT 2014 – VALE DO RHÔNE - FRANÇA

O talentoso Alain Graillot produz, sem dúvida, um dos melhores Crozes-Hermitage da atualidade. Seus vinhos fantásticos e disputados conferiram um novo status a esta denominação, e chegam a competir com muitos Hermitage. Um colecionador de prêmios, seus vinhos tintos são frequentemente indicados para a relação dos “100 Melhores Vinhos do Mundo” da revista Wine Spectator e merecem altas notas da imprensa especializada. Uma verdadeira especialidade, de pequena produção, são vinhos difíceis de encontrar, até mesmo, na França.

Allain Graillot é reconhecido por sua paixão pela uva Syrah. Segundo a Wine Spectator, “Allain tem uma paixão pela uva Syrah a partir do qual ele faz vinhos artesanais de grande distinção e enorme elegância”.


Atualmente, este produtor é considerado um dos mais cobiçados do norte do Rhône devido aos seus Syrah exuberantes, bem produzidos e muito robustos. A propriedade é formada por mais de 20 hectares de vinhas com mais de 30 anos de idade, próximo da aldeia de Pont de l’Isère, cerca de 6 quilômetros ao sul de Tain-l’Hermitage.


As vinhas cultivas em Crozes-Hermitage são plantadas em solos bem drenados e planícies aluviais planas entre os rios Rhône e Isère. O domínio produz syrahs mais refinados e estruturados do que a maioria dos setores vizinhos. A força dos vinhos reside no prazer imediato que proporcionam, mesmo que sejam capazes de envelhecer com complexidade em dez anos.


Além disso, duas pequenas parcelas de vinhas com mais de 12 anos de idade são cultivadas em St. Joseph plantadas nas encostas em solos de granitos, responsáveis pela produção de vinhos frescos e fáceis de beber.


● Corte de uvas: 100% Syrah


● Notas de Degustação: cor rubi com leve nota de evolução. Aromas de frutas vermelhas e escuras (ameixa e cerejas madura), toque sutil de couro e defumados. Paladar seco, com boa acidez e taninos macios, tudo muito bem integrado e com fino equilíbrio. Na medida em que ficou na taça mostrou o toque de carvalho bem trabalhado, integrado a uma nota de couro. Belo fim de boca, persistente e com sabor de segundo gole imediato.


● Estimativa de Guarda: é um vinho que já pode ser bebido, e creio que aguenta mais 3 a 4 anos.


Notas de Harmonização: Vinho elegante e que pede um acompanhamento de estilo, com carnes vermelhas bem preparadas, carnes de caça. Vai bem com queijos médio aos curados.


Serviço: servir entre 16 e 17ºC.


Faixa de Preço – $$$$


Em BH: SUPERNOSSO.