• Vinotícias - Marcio Oliveira

MARQUES DE CASA CONCHA CABERNET SAUVIGNON 2017 CONCHA Y TORO – VALE DO MAIPO – CHILE

Marcelo Papa, enólogo da linha Marques de Casa Concha e Diretor Técnico da Vinícola Concha y Toro, tem tido amplo destaque como uma das figuras mais influentes no cenário vitivinícola chileno, sendo escolhido como “enólogo do ano” de 2019 pelo renomado crítico inglês, Tim Atkin.

A Concha y Toro é uma das maiores produtoras de vinho do mundo e é a maior do Chile. Com exportação para mais de cem países, produz doze marcas de vinhos em dezenas de vinhedos espalhados por todo o país.


O Marques Casa Concha Cabernet Sauvignon, tem origem nos Vinhedos Puente Alto e Pirque, D.O. Maipo, Vale do Maipo. Ambos os vinhedos estão próximos aos pés da Cordilheira dos Andes – Puente Alto a 650 e Pirque a 570 metros de altitude -, seus solos são de origem aluvial, pobres em nutrientes, pedregosos e com grande permeabilidade, devido à quantidade de cascalho presente no subsolo.


Considerado um tinto de médio corpo para encorpado e com muita fruta madura, mostrando a tipicidade dos vinhedos da D.O. Maipo. As vinhas estão bem próximas à Cordilheira dos Andes, sendo cultivadas na região mais fria do Maipo, originando um Cabernet Sauvignon com bom frescor, apesar da safra 2017 corresponder a um ano mais quente.


● Uvas: Corte de Cabernet Sauvignon (85%), Syrah (8%), Cabernet Franc (4%), Malbec (1%), Petit Verdot (1%), Merlot (1%).


● Notas de Degustação: rubi intenso, sem sinal de evolução. Nos aromas aparecem as frutas escuras como cereja, cassis e amora com um toque de carvalho e tostado muito bem integrado. No paladar as notas de frutas escuras estão bem percebidas, num vinho com bom frescor, taninos macios (mas perceptíveis) e final de boa persistência. Recomendo ter uma segunda garrafa por perto.


● Reconhecimentos Internacionais: 93 pontos James Suckling; 93 pontos Patricio Tapia - Descorchados; 90 pontos Wine Enthusiast; 90 pontos Tim Atkin; 90 pontos CellarTracker; Bronze · International Wine & Spirit Competition. Revista Adega 92 pontos.


● Estimativa de Guarda: Pronto para beber, mas aguenta fácil até 2024.


Notas de Harmonização: Perfeito para harmonizar com carnes vermelhas grelhadas, churrasco, carne de panela, um verdadeiro curinga por se tratar de um Cabernet fresco e frutado. Cordeiro, picanha suína na brasa, risoto picante, medalhão de filé mignon serão ótimos acompanhamentos. Vai bem com carnes com molhos intensos e levemente ácidos (tomate ou vinho), ou com ervas como alecrim, tomilho e louro. Perfeito com a maioria dos queijos.


Serviço: servir entre 15 e 16ºC, numa taça grande estilo Bordeaux.


Faixa de Preço – $$


Em BH – Você poderá encontrar este rótulo em Supermercados, Delikatessens e Lojas de vinho.