• Marcio Oliveira - Vinoticias

PINOT NOIR ERNST LOOSEN WINEMAKERS SELECT 2017 – PFALZ - ALEMANHA

Ernst Loosen nasceu em uma grande tradição de vinificação alemã e, dessa forma, a propriedade no rio Mosel é da família dele há mais de 200 anos.

Em 1988, Ernst assumiu a frente dos negócios. Ele concluiu os estudos na renomada escola de vinificação da Alemanha em Geisenheim e, em seguida, lançou-se numa pesquisa dos grandes vinhos do mundo. Ele viajou para a Áustria, Borgonha e Alsácia, e até a Califórnia. Ele descobriu que todos compartilham uma dedicação à produção de vinhos intensos e concentrados que proclamam corajosamente sua herança.


Também reconheceu que nem todas as tradições merecem ser observadas obstinadamente e permitem o uso criterioso das técnicas modernas de vinificação quando isso melhora a qualidade.


Desde que Ernst Loosen assumiu o controle da propriedade, reconheceu muito potencial que não estava sendo utilizado. Ernst viu que o desinteresse de seus antepassados ​​havia lhe dado exatamente o que ele precisava para produzir o tipo de vinho rico e corajoso que ele prefere. Como seus antecessores não estavam dispostos a investir em novas vinhas, Ernst herdou um bom número de vinhas com mais de 100 anos – vinhas perfeitamente adequadas ao estilo de baixo rendimento e vinho altamente concentrado que ele queria produzir.


Sem nenhum equipamento de alta tecnologia para tentá-los, Ernst e seu mestre de adega não tiveram escolha a não ser fazer vinhos de maneira minimalista, com muito pouco manuseio e fermentações longas e lentas. Os seus vinhos receberam inúmeros prêmios e críticas brilhantes na imprensa. Assim sendo, a propriedade tornou-se membro da prestigiada VDP, a associação alemã das melhores vinícolas do país, e foi nomeada uma das 10 melhores propriedades da Alemanha por quase todas as publicações de vinhos do mundo.


Ernst foi nomeado então o enólogo do ano na Alemanha na edição de 2001 do Weinguide Deutschland da Gault Millau e homem do ano da revista Decanter em 2005. Com estes predicados, não havia o que temer com Pinot Noir alemão que surpreende pela maravilhosa relação custo x benefício.


● Corte de uvas: 100% Pinot Noir.


● Notas de Degustação: Cor rubi clara e cristalina, típica da Pinot. Aromas com boa intensidade de frutas vermelhas e escuras (framboesas, cerejas e ameixas), notas de couro, algo de terra e folhs em decomposição, boa compexidade, toques tostados do estágio em barrica. No paladar de boa acidez, os taninos são macios, sedosos, corpo leve para médio, muito fácil de gostar e beber. Complexo, esse exemplar mescla fruta e madeira de uma forma muito elegante.


● Estimativa de Guarda: é um vinho para beber tendo uma segunda garrafa à mão. Creio que aguenta entre 3 anos mais.


Notas de Harmonização: Perfeito para harmonizar com carnes brancas e vermelhas grelhadas. Lombo de Porco, quiche de Gruyère e Parma, escondidinho de carne seca, temaki de atum, risoto de tomate seco com brie, queijos semiduros. Harmonizou perfeitamente com um Bouef Bourguignon (prato clássico da Borgonha).


Serviço: servir entre 12 e 14ºC


Faixa de Preço – $$


Em BH – WINE – Rua Alvarenga Peixoto, 655 – Lourdes – Tel.: (31) 2527 9100


2 visualizações