• Vinotícias

11 COISAS QUE VOCÊ NÃO SABIA SOBRE PROSECCO


O Prosecco é um espumante italiano, uma aposta certa para uma noite de especial, pois são fáceis de beber e apresentam um preço de entrada interessante quando comparados com os Champagnes.

Mas há mais para saber e apreciar em relação a esse borbulhante vinho, como a suas raízes romanas, sua longeva e apaixonada rivalidade com os Champagnes e sua potencial conexão para uma vida longa.

Photo by: https://goo.gl/mgDp2t

1 - SIM, HÁ UMA CIDADE CHAMADA PROSSECO.

O delicioso e borbulhante Prosecco que amamos hoje, veio da vila de Prosecco - um subúrbio de Trieste. O nome prosecco é na verdade esloveno - prozek ou “caminho através da floresta.” A região antes de ser chamada de Prosecco era conhecida por “Puccino”. Hoje, a produção deste espumante se estende muito além da pequena aldeia.

2 - O PROSECCO TÊM HISTÓRIA

A uva Glera, que é a base do Prosecco cresce muito bem na região e foi cultivada na Roma antiga. De fato Plínio, o Velho - naturalista romano que morreu em 79 AC - no seu livro HISTÓRIA NATURAL fala sobre Julia Augusta "que atribui o fato de ter 86 anos de vida ao vinho de Pizzino." Na versão em latim, se diz "Pucino vino", ou seja, vinho de Puccino!

3 - A REGIÃO DE PROCESSO AGORA TEM DOC E DOCG

Na verdade as denominações regionais começaram em 2009, a última tem uma qualidade ligeiramente superior e uma região muito menor do que o DOC, composto por 15 comunidades vinícolas, com vinhas crescendo em encostas ricas em calcário. É dito que a maior qualidade da DOCG é que, graças as encostas serem extremamente íngremes, tudo é feito a mão. O DOC e DOCG estão localizados na região do Veneto e no Friuli.

4 - VOCÊ PROVAVELMENTE NÃO CONHECE A PRINCIPAL UVA DO PROSECCO

Ela não é tão famosa quanto as uvas de Champagne ou qualquer uma das nossas variedades brancas favoritas. A uva é chamada Glera, sua presença na Itália remonta dos tempos do Império Romano. Porém o Prosecco também pode ser feito com Perera, Bianchetta e Verdiso e uvas mais potentes como a Chardonnay, Pinot Gris e Pinot Noir. Mas a Glera é a bisavó do Prosecco.

5 - PROSECCO NÃO É FEITO NO MÉTODO CHAMPENOISE

Na verdade, um tipo de Prosecco pode ser feito pelo Método Tradicional ou Champenoise - o Conegliano Valdobbiadene no DOCG. Porém o restante é feitos no método "CHARMAT", conhecido como "método tanque" onde a segunda fermentação do vinho acontece em grandes tanques de aço, ao invés da garrafa.

6 - SUA CARTEIRA AGRADECE O MÉTODO CHARMAT

Por conta da eficiência do método CHARMAT, isso significa menor custo de produção e em consequência menor preço de venda!

7 - E SEU PALADAR TAMBÉM AGRADECE

O fato de ser eficiente não significa que o método Charmat produz vinhos descomplicados, muito pelo contrário o Prosecco é produzido a partir de cepas altamente aromáticas e complexas, e a fermentação em tanques de aço inox permite que esses aromas brilhem de forma incrível.

8 - A RECEITA ORIGINAL DO BELLINI USA PROSECCO

O BELLINI nasceu em 1948 no famoso Harry's Bar em Veneza, onde um inteligente barman criou um drink a base de pêssegos brancos frescos prensados em uma peneira, formando um puré que é coberto com Prosecco.

9 - NEM TODOS OS PROSECCOS SÃO BORBULHANTES

O Prosecco podem vir em três níveis de "perlage", uma palavra extravagante para dizer deliciosas bolhas. O mais espumante é o SPUMANTE, o segundo é o FRIZZANTE e o TRANQUILLO que não apresenta bolhas.

10 - NA VERDADE O PROSECCO NÃO TINHA BOLHAS ATÉ O SÉCULO 19

Os Romanos podem ter amado, os Italianos continuam amando, mas até que Antoine Carpenè submetesse o vinho branco a uma segunda fermentação o Prosecco não apresentava bolhas. A vinicola CARPENÈ MALVOLTI foi a primeira a produzir o Prosecco como hoje conhecemos!

11 - O PROSECCO PODE AGRADECER A RECESSÃO POR SUA VITÓRIA SOBRE O CHAMPAGNE

De acordo com a "Sparkling Wine Observatory" (Observatório de Vinhos Espumantes - centro italiano de estudos sobre vinhos espumantes) o vinho Prosecco vendeu 307 milhões de garrafas contra 304 milhões de Champagnes em 2013. A causa apontada para essa vitória é o valor de entrada do Champagne, relativamente mais caro do que o Prosecco.

*Fonte: VINEPAIR blog especializado em bebidas. Para ler o artigo original em inglês acesse: https://vinepair.com/wine-blog/11-things-you-didnt-know-about-prosecco/

#prosecco #puccino #itália #romaantiga #glera

0 visualização
O que é o VINOTÍCIAS...

O VINOTÍCIAS foi criado por Márcio Oliveira, com o intuito de disponibilizar em um único espaço dicas de vinho, enogastronomia, eventos, roteiros de viagens e promoções. Inicialmente era disponibilizado na forma de uma newsletter para alunos, ex-alunos e amantes do vinho, com o crescimento do mercado e o amadurecimento do projeto a necessidade de um espaço maior para tantas informações se fez necessário e assim surgiu o blog e o site.

  • w-facebook
  • White Instagram Icon

© 2017 Vinotícias. Criado por Action Digital Midia

Belo Horizonte | Minas Gerais