• Vinotícias

UMA HISTÓRIA DE 8000 ANOS!


As origens da viticultura remontam a mais de oito mil anos, quase dez séculos antes dos estimados anteriormente, revelam os resíduos encontrados na cerâmica neolítica encontrada na Geórgia, no sul do Cáucaso.

Os índices químicos mais antigos da produção de vinho datam de 5.400 a 5.000 anos antes da era cristã nas montanhas Zagros no Irã, disseram os cientistas, cuja descoberta foi publicada na segunda-feira, 14 de novembro, nos Procedimentos da Academia Americana de Ciências (PNAS).

As escavações se concentraram em dois locais onde foram encontradas cerâmicas neolíticas que datam inicialmente de 8.100 a 6.600 anos atrás, Gadachrili Gora e Shulaveris Gora, localizados a cerca de 50 quilômetros de Tbilisi.

A análise dos resíduos encontrados em oito frascos de vários milênios revelou a presença de ácido tartárico, a assinatura química de uvas e vinhos. Três outros ácidos - málico, succínico e cítrico, relacionados à viticultura - também foram detectados.

DOMESTICANDO AS VINHAS SELVAGENS

"Isso sugere que a Geórgia provavelmente está no centro do berço da domesticação de videiras e viticultura", disse Patrice This, diretor de pesquisa do Instituto Nacional de Pesquisa Agrícola (INRA).

As videiras euro-asiáticas, que atualmente produzem 99,9% do vinho mundial, são do Cáucaso, disse ele. "Nós pensamos que estamos na presença de restos da mais antiga domesticação de videiras selvagens na Eurásia com o único propósito de produzir vinho", disse Stephen Batiuk, do Centro de Arqueologia da Universidade de Toronto.

"A versão doméstica de uvas para produção de vinho de mesa agora tem mais de 10 mil variedades em todo o mundo", disse ele, incluindo mais de 500 na própria Geórgia.

Segundo os cientistas, isso sugere que as videiras foram manipuladas e objeto de cruzamentos pelo homem para criar diferentes uvas por muito tempo nesta região da Eurásia.

A combinação de dados arqueológicos, químicos, botânicos, climáticos e de datação mostram que a variedade Vitis vinifera era abundante em torno dos dois locais de escavação na Geórgia.

Nos tempos neolíticos, o clima era bastante semelhante ao das regiões vitivinícolas atuais da Itália e do sul da França. A maioria das variedades de uva clássicas pertencem a esta variedade Vitis vinifera como a Cabernet Sauvignon, Chardonnay, Syrah, Merlot, Grenache, Mourvèdre ou Riesling.

VITICULTURA: NO CENTRO DA VIDA NEOLÍTICA

"Nosso estudo sugere que a viticultura foi o principal elemento do estilo de vida neolítico, que viu o nascimento da agricultura, para se espalhar no Cáucaso" e além do sul no Iraque, na Síria e na Turquia, apontou o professor Batiuk. "A cerâmica, que é ideal para fazer, servir e preservar bebidas fermentadas, foi inventada naquela época, com muitos avanços em tecnologia, culinária e arte", afirmou.

Esses pesquisadores explicam que, nessas antigas sociedades, beber e oferecer vinho era parte de quase todos os aspectos da vida.

"O vinho como remédio, um estimulante das relações sociais, uma substância que altera o espírito ou como uma mercadoria de grande valor, tornou-se um componente essencial dos cultos religiosos, farmacopeia, culinária, economia e vida social em todo o Oriente Médio ", disse Batiuk.

Segundo ele, a viticultura no Neolítico é um exemplo perfeito de engenhos humanos para desenvolver horticultura e inventar os usos de seus produtos.

Mais em: http://www.larvf.com/vin-apparu-8000-ans-caucase-georgie-origine-viticulture,4563550.asp

#caucaso #históriadovinho

38 visualizações

Receba o Vinoticias toda semana!

por MÁRCIO OLIVEIRA

O que é o VINOTÍCIAS...

O VINOTÍCIAS foi criado por Márcio Oliveira, com o intuito de disponibilizar em um único espaço dicas de vinho, enogastronomia, eventos, roteiros de viagens e promoções. Inicialmente era disponibilizado na forma de uma newsletter para alunos, ex-alunos e amantes do vinho, com o crescimento do mercado e o amadurecimento do projeto a necessidade de um espaço maior para tantas informações se fez necessário e assim surgiu o blog e o site.

  • w-facebook
  • White Instagram Icon

© 2017 Vinotícias. Criado por Action Digital Midia

Belo Horizonte | Minas Gerais