• Vinotícias

PEZAT BORDEAUX BLANC SEC 2008 – BORDEAUX - FRANÇA


O Château Pezat é um projeto impressionante de Jonathan Maltus. Maltus é proprietário do Château Teyssier e produtor do cultuado Le Dome, de St. Emilion, tinto que arrematou 100 pontos de Parker na safra de 2010.

Jonathan Maltus é considerado um “estrangeiro” em Bordeaux, onde é chamado de “Englishman”. Em 1994, adquiriu o Château Teyssier, um Grand Cru que remonta aos anos 1700. Agregou diversos pequenos vinhedos em locais privilegiados da denominação e construiu uma vinícola de última geração, onde produz uma gama invejável de vinhos, que chega ao mais alto nível da região com o fantástico Le Dôme. Vários outros de seus vinhos ficaram acima dos 90 pontos: Les Astéries (96), Vieux Château Mazerat (95+), Château Laforge (94) e Château Teyssier (92). Seus vinhos sempre têm elegância, concentração, intensidade e equilíbrio, além de rótulos modernos e charmosos.

Com este branco, não seria diferente, mas sendo safra 2008, já está evoluído. É um corte de 90% Sauvignon Blanc, com um toque de Muscadelle, prima da Viognier, uva rara mas ainda nativa em certas partes de Bordeaux. Os vinhedos encontram-se em uma região montanhosa ao sul do rio Dordogne, a caminho de Creon, cidade medieval. As vinhas são conduzidas pelo sistema Double Guyot, os galhos secundários são removidos, as plantas são desfolhadas e os cachos são raleados, a fim de obter um menor rendimento. A colheita é manual, realizada nas primeiras horas da manhã, e as uvas são transportadas para a adega em pequenas caixas. Há um pequeno contato com as cascas a fim de enfatizar o caráter frutado do vinho. É feita uma prensagem suave e suspensão das borras para garantir o frescor do vinho.

Notas de Degustação: As informações de degustação quando jovem, mostravam um vinho de cor amarelo palha delicada, favorecida pela transparência da garrafa. No nariz, apresentava aromas de frutas cítricas, com pêssegos brancos e um toque de flores brancas. Um vinho que era um típico Sauvignon no estilo, vivaz e frutado, com um final refrescante. Com os 10 anos de evolução na garrafa o vinho mostra cor âmbar, ainda cristalino. Os aromas de redução lembram um elegante Jerez no estilo Palo Cortado, com notas de amêndoas secas. No paladar o Jerez volta à lembrança. Final persistente, seco, com toque mineral.

Guarda: bebido em janeiro 2018, na minha opinião está no seu limite.

Notas de Harmonização: vai bem com peixe gordo ou peixe branco, mariscos, verduras e legumes grelhados, queijos com média maturação.

Temperatura de Serviço: 8 a 10ºC por conta da evolução.

Onde comprar: Compartilhado numa degustação entre amigos. Pode ser comprado na PREMIUM - Em BH: Rua Estevão Pinto, 351 - Serra - 31 3282-1588 I Em SP: PREMIUM - Rua Apinajés, 1718 - Sumaré - 11 2574-8303.

#bordeaux #França #sauvignonblanc #muscadelle

9 visualizações

Receba o Vinoticias toda semana!

por MÁRCIO OLIVEIRA

O que é o VINOTÍCIAS...

O VINOTÍCIAS foi criado por Márcio Oliveira, com o intuito de disponibilizar em um único espaço dicas de vinho, enogastronomia, eventos, roteiros de viagens e promoções. Inicialmente era disponibilizado na forma de uma newsletter para alunos, ex-alunos e amantes do vinho, com o crescimento do mercado e o amadurecimento do projeto a necessidade de um espaço maior para tantas informações se fez necessário e assim surgiu o blog e o site.

  • w-facebook
  • White Instagram Icon

© 2017 Vinotícias. Criado por Action Digital Midia

Belo Horizonte | Minas Gerais