• Márcio Oliveira

DECANTAR OU NÃO?


Teoricamente, a decantação serve para que os possíveis sedimentos de um vinho permaneçam no fundo da garrafa e não flutuem no líquido. A decantação também é usada para criar uma oxigenação "expressa" do vinho. O que já não tenho tão claro é a regra de que os vinhos envelhecidos precisam de mais oxigenação, porque se você faz isso com vinhos muito maduros, corre o risco de matá-los!

Existem tantas teorias como teóricos do vinho, e daí escrever este artigo sobre o assunto de decantar, oxigenar, colocar o vinho em jarra, filtrar, aerar...

Vinhos muito maduros, por serem vinhos com uma estrutura mais débil pelo tempo em garrafa, são vinhos que quanto menos os manejar, tanto melhor. Por isso, eu escolheria abrir a garrafa com tempo suficiente para se necessário, filtrar o vinho quando o servir.

Se for um vinho de guarda média, e que nós intuímos com boa estrutura, vale fazer uma decantação típica. Basta transferir o vinho da garrafa para o decanter e ir cuidadosamente virando a garrafa, para no final os resíduos não caiam no decanter.

Se, por outro lado, estamos lidando com um vinho relativamente jovem, com taninos ainda por amaciar, ou com acidez excessiva, uma oxigenação via decanter pode ajudar o vinho a evoluir mais rapidamente, mostrando suas frutas e frescor de forma positiva.

Existem uvas muito redutoras e que tendem a dar aromas desagradáveis ​​no nariz, embora o vinho seja relativamente jovem. O decanter pode “abrir” o vinho para que esses aromas desapareçam muito mais rapidamente.

De qualquer forma, se o vinho for decantado, faça-o com algum planejamento: deixe a garrafa alguns dias na posição vertical, antes de usar o decanter para os resíduos se concentrarem no fundo da garrafa.

E se você não dispõe de um decanter, uma opção de abrir a garrafa normalmente, esvaziar um copo de vinho para ar entrar na garrafa e ter contato com uma superfície maior de vinho. Depois de algum tempo (as vezes 20 minutos é suficiente), tenha cuidado ao despejar o vinho nas taças ou use um filtro. Esta opção é muito utilizada com vinhos jovens, acelerando um processo que é melhor feito sem pressa.

Para um vinho relativamente jovem, o pior que pode acontecer é que o decanter quase não tenha efeito. Mas se estamos lidando com um vinho maduro, com muitos anos de guarda, a decantação é sempre indicada para separação dos resíduos.

#decantação

60 visualizações
O que é o VINOTÍCIAS...

O VINOTÍCIAS foi criado por Márcio Oliveira, com o intuito de disponibilizar em um único espaço dicas de vinho, enogastronomia, eventos, roteiros de viagens e promoções. Inicialmente era disponibilizado na forma de uma newsletter para alunos, ex-alunos e amantes do vinho, com o crescimento do mercado e o amadurecimento do projeto a necessidade de um espaço maior para tantas informações se fez necessário e assim surgiu o blog e o site.

  • w-facebook
  • White Instagram Icon

© 2017 Vinotícias. Criado por Action Digital Midia

Belo Horizonte | Minas Gerais