• Marcio Oliveira - Vinoticias

“VINHOS, CUBOS DE GELO E O VERÃO”

Apesar das chuvas que tem sido constantes na nossa região metropolitana de Belo Horizonte, sabemos que daqui a pouco haverá um veranico e o verão é a época para festas no jardim, piqueniques e dias de piscina, cachoeiras e praia para quem puder dar uma fugida até Escarpas ou uma região de orla. Quer sejam brancos crocantes para refeições ao ar livre, tintos mais claros para churrascos ou rosés refrescantes para noites amenas, os vinhos sempre serão bem vindos.

Quando o sol está brilhando, poucas coisas são mais refrescantes do que uma taça de vinho branco gelado. Quer prefira um Muscadet com o aroma e sabor leve de uma maçã, ou um Rueda aromático, sempre haverão opções para todos os gostos e bolsos.


Alguns estilos são mais adequados para alimentos, como um Chenin Blanc, vinho branco rico e texturizado com boa acidez para equilibrar. Pode ser um pouco exagerado, mas combine com algo como vieiras ou mel e gengibre com carne de porco e o peso do vinho ajustará muito melhor, enquanto a acidez cortará a gordura.


Claro, todo vinho branco pode ser combinado com comida, mas se você está apenas procurando por algo mais simples, tente escolher um estilo mais leve. Exemplos óbvios incluem Muscadet, Sauvignon Blanc e Picpoul de Pinet. Estes brancos claros evitam sobrecarregar o paladar e fornecem um sabor refrescante simples - que é exatamente o que é necessário quando o sol está mais alto!


Mas, sabendo que alguns amantes da bebida de Baco gostam mesmo é de tintos, neste caso, o verão é a época para degustar um vinho tinto servido em uma temperatura mais amena - mas alguns estilos combinam mais com ele do que outros. Será que se pode beber vinho tinto gelado?


As regiões produtoras de vinhos tintos mais frias são normalmente uma aposta mais segura do que as quentes. Pense na Áustria, Alemanha, Nova Zelândia, norte e oeste da França, norte da Itália e Sicília, noroeste da Espanha, leste da Europa, litoral do Chile e África do Sul, bem como clima frio dos EUA e Austrália.


As variedades de uvas ideias serão: Barbera, Blaufränkisch, Cabernet Franc, Cinsault, Corvina, Dolcetto, Gamay, Grenache, Mencía, Pinot Noir, Syrah, Zweigelt e estilos mais leves de Nebbiolo e Sangiovese.


Além do estilo, que é mais importante do que a uva ou a região: opte por vinhos de corpo leve ou médio, com acidez fresca e taninos finos e discretos. Uma cor clara é um bom indicador - sugere que o vinho sofreu uma extração leve e, portanto, não estará intensamente concentrado.


Sabores suculentos e frutados funcionam melhor do que notas tânicas, então opte por um vinho jovem em vez de um maduro. Tintos que têm um caráter ligeiramente doce de fruta podem funcionar bem, já que a impressão de doçura é reduzida em temperaturas mais frias.


Evite vinhos com muito carvalho - os taninos do carvalho aparecem rapidamente secos e adstringentes quando resfriados. Vinhos com níveis modestos de álcool tendem a matar mais a sede por sua própria natureza, então, como regra, quanto menor o álcool, melhor.


● E uma pergunta que não quer calar: Pode-se colocar cubos de gelo no vinho?


Nada é mais refrescante do que uma taça de vinho gelado quando o tempo esquenta - mas e se o seu vinho não esfriar o suficiente? Os especialistas em vinho acreditam que colocar cubos de gelo no vinho é uma gafe; aguando e diluindo os sabores do vinho.


Para muitos sommeliers, colocar cubos de gelo no vinho branco era frequentemente citado como o "hábito mais irritante do cliente". Imagine então, colocar cubos de gelo numa taça de vinho tinto !!!


No entanto, várias vinícolas lançaram vinhos para serem servidos com gelo, incluindo o champagne Moët Ice Impérial Rosé NV. Em alguns países do Mediterrâneo, também está se tornando mais comum oferecer gelo quando servido vinho branco ou rosé nas esplanadas dos restaurantes.


Mas quando se trata de vinhos tintos, o gelo vai derreter e diluir o vinho que acabará não tendo um sabor tão bom. Para salvar a situação daqueles que querem arriscar cubos de gelo em vinho, o Master in Wine Peter Richards diz: ‘A minha opinião é: faça o que quiser com o seu vinho, desde que fique feliz! Afinal, é para isso que serve o vinho.


Portanto, aproveite e seja feliz!!! Com ou sem cubos de gelo, beber vinhos refrescantes neste verão é a melhor solução!!! Aproveite para comentar se gostou ou não !!! Saúde !!!

O que é o VINOTÍCIAS...

O VINOTÍCIAS foi criado por Márcio Oliveira, com o intuito de disponibilizar em um único espaço dicas de vinho, enogastronomia, eventos, roteiros de viagens e promoções. Inicialmente era disponibilizado na forma de uma newsletter para alunos, ex-alunos e amantes do vinho, com o crescimento do mercado e o amadurecimento do projeto a necessidade de um espaço maior para tantas informações se fez necessário e assim surgiu o blog e o site.

  • w-facebook
  • White Instagram Icon

© 2017 Vinotícias. Criado por Action Digital Midia

Belo Horizonte | Minas Gerais